Gostava de ter uma relação saudável com a tecnologia?

gostava de ter uma relação saudável com a tecnologia

Sete dicas para controlar os seus hábitos em relação à tecnologia

  1. Se conduzir não use o telefone

Segundo a Brisa, sabe-se hoje que usar o telemóvel enquanto se conduz multiplica o risco de acidente por 23 vezes, e 31% dos portugueses admitem enviar e ler SMS enquanto conduzem. O uso de ferramentas digitais ao volante aumenta drasticamente o risco de acidentes rodoviários, havendo já vários estudos internacionais que o comprovam.

Os estudos confirmam que é difícil para os condutores levarem a cabo as tarefas básicas e essenciais a uma condução segura, se estiverem a realizar uma outra tarefa secundária.

Enviar mensagens é um factor de distracção a vários níveis:

  • Desvio da atenção cognitiva;
  • Distracção física/motora, e
  • Distracção visual.

O tempo de reacção de um jovem que esteja a conduzir e a utilizar o telemóvel, é o mesmo que uma pessoa de 70 anos que esteja a conduzir sem estar ao telemóvel.

  1. Proteja o seu sono

Vários estudos têm demonstrado que o uso de smartphones à noite pode interferir com a qualidade do sono. Investigadores acreditam que isso se deve em parte ao fato de que telefones e outros dispositivos tecnológicos emitem uma “luz azul”, que interfere directamente com a produção da hormona do sono, ou seja, a melatonina. Mas outro problema é que o conteúdo em si é muitas vezes estimulante. Um texto ou foto na hora de dormir pode activar a mente, em vez de permitir que a mesma descanse.

Tente evitar o uso nocturno de dispositivos móveis.

Evite usar o telefone como um despertador – para muitas pessoas, pode ser muito tentador tê-lo na mesa de cabeceira.

  1. Desligue as notificações

A maioria das pessoas tem os telefones definidos com notificações ligadas sempre que recebe um novo e-mail, texto ou alerta. Notificações constantes podem ter um efeito negativo sobre o nosso bem-estar. Um estudo feito por psicólogos na Universidade da Colúmbia Britânica no Canadá, concluiu que quando usuários de smartphones desligaram as notificações, relataram níveis mais baixos de desatenção e hiperactividade do que durante as semanas quando as notificações foram activadas. Mais, frequente notificações também foram associadas a níveis mais baixos de produtividade e bem-estar psicológico.

Para ajudar a melhorar o stress e o foco, tente activar as notificações mais importantes e deixar as outras para serem manualmente geridas. Por exemplo, o email do trabalho vs. o Facebook.

  1. Saiba gerir as expectativas dos outros

Se não pretende verificar mensagens de texto durante o dia de trabalho, ou não verifica emails com regularidade durante as férias, certifique-se que as pessoas necessárias sabem. Por exemplo, informar a família que só verifica mensagens à noite. Não vai conseguir beneficiar dos benefícios de estar Offline, desligado  da internet, se for obrigado a lidar com a frustração dos familiares e outros.

  1. Use as redes sociais de forma inteligente

Por vezes as redes sociais fazem com que alguns sintam que as suas vidas são menos glamorosas que as dos amigos. Alguns estudos demonstram que existe uma ligação entre as redes sociais e os sentimentos de tristeza e depressão. Por vezes, alguns amigos usam as redes sociais para romantizar e fomentar uma vida glamorosa fictícia. Saber usar o conteúdo, partilhar ideias, momentos com amigos, locais, etc, é uma forma de diminuir os sentimentos desajustados, assim como tirar mais rentabilidade com a informação partilhada.

  1. Esteja presente

A tecnologia digital e as redes sociais facilitam o contacto permanente, mas distraem-nos de quem está ao nosso lado, na vida real. Interacções face-a-face são importantes para o bem-estar emocional. Um estudo sobre Stress nos EUA (Survey APA) revelou que 44% das pessoas que verificam email, mensagens e redes sociais, muitas vezes relatam um sentimento de desconexão relativamente à família, mesmo quando estão na mesma casa.

Quando está com amigos e familiares, faça um esforço para se desligar. Comece por evitar a tentação, silenciando o telefone durante as horas da refeição e atividades com a família.

  1. Recarregue

Tempo de silêncio para pensar é importante para relaxar, reflectir e até mesmo para aumentar a criatividade. Se mexemos no telefone cada vez que temos um momento livre, estamos a perder momentos preciosos para renovar energia, recarregar baterias.  Tente reservar um momento por dia para se desconectar. Pode ser difícil no início, mas todas as boas práticas e as mudanças de comportamento o são. Não desista e vai ver como se vai sentir melhor.

Referências:

  1. Brisa, Portugal
  2. American Psychological Association, anual 2013 Stress in America Survey
  3. Behavioral Sleep Medicine, 2016; Organizational Behavior and Human Decision Processes, 2014; CyberPsychology, Behavior and Social Networking, 2013
  4. Proceedings of the 2016 CHI Conference on Human Factors in Computing Systems, 2016
  5. Computers in Human Behavior, 2015
  6. Association Between Social Media Use and Depression Among U.S. Young Adults, 2016
  7. Ethan Kross, Social Issues and Policy Review, in press.

Qual foi o interesse que este artigo teve para si?

4.9
4,9 rating
4.9 em 5 estrelas (total de 21 avaliações)
Excelente!90%
Muito bom10%
Assim, assim0%
Fraco0%
Péssimo0%
04/12/2019

Pontos importantes e a reter para o nosso dia a dia

Luisa Delgado
25/11/2019

Bastante interessante e útil, apesar de eu frequentemente seguir estas dicas.

Anónimo
19/11/2019

Adorei!

Anónimo
19/11/2019
Aurora
19/11/2019

Dicas importantes. Nunca é cansativo lembrar.
Adorava que escreve-se mais artigos sobre a tecnologia e o impacto que tem nesta geração. Particularmente, o contacto face-a-face, que está cada vez mais ausente.

Deolinda
Andreia Figueiredo
Andreia FigueiredoPsicóloga Clínica
Load More Posts
Newsletter 3

A NOSSA NEWSLETTER

PODE MUDAR-LHE A VIDA

  • Recheada de informações úteis da Psicologia para MELHORAR A SUA VIDA

  • É GRATUITA

  • GANHA logo um curso de RESPIRAÇÃO CALMANTE

  • Só lê se quiser

  • De PRESENTE, também recebe um GUIA para o conforto do SISTEMA NERVOSO

  • Desiste quando quiser (mas nós ficamos tristes…)

  • Fica a saber mais de Psicologia do que o seu vizinho

  • Ninguém sabe que a recebe

  • Não se arrisca a perder os nossos PRESENTES e PROMOÇÕES exclusivos

  • Sabe tudo primeiro do que os outros

2019-11-16T18:28:26+00:00Novembro 16th, 2019|Andreia Figueiredo, Bem-estar, Dicas|