Burnout

Burnout

O burnout ocupacional resulta de stress profissional prolongado, muito particularmente quando a pessoa sente um vazio de propósito no desempenho das suas funções. Não sendo uma categoria de diagnóstico em Psicologia Clínica, e tendo uma expressão muito semelhante à de depressão, a noção de burnout tem vindo a ser alargada para poder englobar queixas muito específicas ao papel profissional e possíveis de serem prevenidas com intervenções, também elas, orientadas para a área ocupacional.

Campos obrigatórios marcados com *

1.Sinto-me esgotado de energia física e emocional *
2.Tenho pensamentos negativos sobre o meu trabalho *
3.Sou mais brusco e menos empático com as pessoas do que aquilo que elas provavelmente merecem *
4.Irrito-me com facilidade com pequenos problemas, ou com colegas de trabalho e equipa *
5.Não me sinto compreendido ou apreciado pelos meus colegas de trabalho *
6.Sinto que não tenho ninguém com quem falar *
7.Sinto que não estou a obter os resultados que deveria *
8.Sinto-me debaixo de uma pressão desagradável para ter sucesso *
9.Sinto que o meu trabalho não me satisfaz como pessoa *
10.Sinto que estou a trabalhar na empresa errada ou na profissão errada *
11.Há vários aspectos do meu trabalho que me deixam frustrado *
12.Sinto que a burocracia ou política interna da minha empresa impedem um bom desempenho da minha parte *
13.Tenho a sensação de ter muito mais trabalho para fazer do que aquilo que me é possível fazer *
14.Sinto que não tenho tempo para fazer muitas das coisas que são importantes para assegurar um desempenho de qualidade *
15.Sinto que não tenho tempo para me dedicar suficientemente a temas de planeamento da minha actividade *

2018-04-26T13:03:44+00:00Abril 26th, 2018|Ansiedade, Depressão|

7 Comments

  1. Ivy 09/06/2018 at 03:25 - Reply

    Ana, sente e converse com ela. Seja franca, diga o quanto está doente sem dizer sentimentos e o quanto precisa da ajuda dela. Diga que está com uma anemia emocional e precisa dela pq vc não tem mais forças. Se não der certo procure ajuda de alguém de confiança só para vc começar.

  2. Anna 28/05/2018 at 18:51 - Reply

    Muito Obrigada…. Abraço!!!

  3. Ivy 21/05/2018 at 15:11 - Reply

    Ana, mostre para ela o quanto dói, aquilo que vc sente e que vc precisa de ajuda profissional e do apoio dela. E tbm que se uma pessoa tem diabetes, ela toma remédio, se tem pressão alta também. Por que é difícil aceitar que se está doente emocionalmente? E se ela não aceitar, siga em frente e vá vc. E no fim, mostre que valeu a pena. Força aí pq já passei por tudo isso.

  4. Anna 15/05/2018 at 20:08 - Reply

    Antes eu havia realizado praticamente todos os testes deste site, eles tinham resultados significativos, mostravam que eu necessitava de ajuda profissional, hoje refiz quase tudo novamente, alguns tiveram uma baixa, porém continuam alarmantes.
    Eu pensei diversas vezes em procurar por profissionais, sei que preciso! Mas não sou menor de idade e queria o preciso que minha mãe vá comigo ou pelo menos apoie isso, mas ela acha que é besteira, as vezes frescura, diz constantemente para me abrir e falar com ela, mas sei que não consigo e travo quando tento… O que eu posso fazer para que ela me leve á um profissional…?

    • Anna 15/05/2018 at 20:11 - Reply

      ótimos testes

    • Madalena Lobo 16/05/2018 at 08:16 - Reply

      Estar dependente de outros para decisões de saúde é complicado… Continue a insistir, a explicar, tantas vezes, quantas as necessárias! Mostre-lhe o site, faça os testes ao pé da sua mãe, para ela perceber as respostas e ganhar consciência da forma como se sente. Não desista!
      Abraço

  5. Anna 15/05/2018 at 20:02 - Reply

    55/75

Escreva um comentário

Translate »