Problemas de Ereção Associados ao Uso de Preservativo

Problemas de ereção e contracetivosUm estudo realizado por alguns investigadores do Kinsey Institute (Sanders, Hill, Janssen, Graham, Crosby, Milhausen & Yarber) refere que há homens a sentirem dificuldades na ereção devido ao uso de preservativo. Este estudo foi feito com uma amostra de homens heterossexuais, com idades compreendidas entre os 18 e os 24 anos, num total de 479 participantes.

Nos últimos anos tem-se verificado que a prevalência da disfunção erétil é maior nos homens com idades mais avançadas, mas não é exclusiva, ou seja, há cada vez mais jovens a reportarem dificuldades ao nível da ereção. Num estudo com participantes europeus, percebeu-se que 5% dos homens, com idades compreendidas entre os 18 e os 29 anos, já experimentaram dificuldades na ereção nos últimos seis meses. Noutros continentes, e em alguns países em particular, esta percentagem pode chegar aos 19%.

O uso de preservativos pode ser uma explicação para a predisposição de alguns homens terem episódios de disfunção erétil. Vários estudos, envolvendo participantes homossexuais e heterossexuais documentaram problemas de ereção associados ao uso de preservativo. Embora os mecanismos subjacentes a esta dificuldade ainda não sejam compreendidos, num estudo psicofisiológico recente, acerca da excitação sexual, os homens com esta dificuldade precisavam de mais tempo e/ou de uma estimulação mais intensa para se sentirem excitados, comparativamente aos homens que não reportavam esta dificuldade. De realçar que esta complicação apenas era sentida no primeiro minuto da estimulação, não se verificando diferenças após esse tempo. As dificuldades de ereção associadas ao uso de preservativo podem ser um fator subvalorizado relacionado com o mau uso do mesmo, a aplicação tardia do preservativo e a remoção precoce, assim como a escorregamento do próprio preservativo.

Num outro estudo envolvendo 1875 homens, avaliou-se a perceção da ereção em relação à sua qualidade (rigidez, tamanho do pénis, circunferência, assim como dificuldade em manter a ereção) e percebeu-se que a qualidade estava relacionada com o não uso do preservativo. Os homens ficam mais predispostos a estas dificuldades se têm falta de confiança no uso correto do preservativo, dificuldades com a forma com o preservativo encaixa ou sente, e se têm relações sexuais com vários parceiros.

Sanders, Hill, Janssen, Graham, Crosby, Milhausen & Yarber. (2015) General Erectile Functioning among Young, Heterosexual Men who do not report condom-associated erectile problems (CAEP). The Journal of Sexual Medicine. DOI: 10.1111/jsm.12964

Marta Cuntim
Marta CuntimPsicóloga Clínica
Sexologia
Mostrar mais Artigos
2018-06-22T16:00:04+00:00Julho 18th, 2018|Marta Cuntim, Sexologia|
Translate »